Bloom – A cápsula capaz de limpar água, ar e ainda servir de estação metereológica

Bloom - A cápsula capaz de limpar água, ar e ainda servir de estação metereológica foto: reprodução

Uma das grandes preocupações da humanidade é os sérios impactos causados ao meio ambiente, provenientes da constante poluição atmosférica. E a busca de maneiras para freá-lo ou controlá-lo é incessante. A boa notícia que pode nos aproximar da solução é o projeto de uma cápsula despoluidora capaz de “limpar” água e ar, alegrando cientistas e ambientalistas.

A cápsula batizada de Bloom funciona parcialmente submersa. E o que a faz limpar ar e água é uma estufa orgânica na parte de dentro. A estufa é formada por aquários repletos de fitoplânctons (seres microscópicos que retiram o CO2 da atmosfera) que desempenham a função de regular a quantidade de oxigênio nas regiões oceânicas afetadas pelo aquecimento global. Além disso, a cápsula também pode prever tsunamis, terremotos e outras catástrofes e ainda retira os sais e resíduos da água, tornando-a potável, prontinha para beber.

Com o projeto, os arquitetos da invenção conseguiram as melhores classificações em um dos principais prêmios europeus da profissão. A cápsula Bloom pode representar o futuro das estações ambientais e metereológicas daqui para frente, mas ainda não tem data para ser lançada. Aguardemos.

Gostou? Compartilhe: