Doçura e bizarrice na obra de Scott Hove

Artista une a doçura e a bizarrice em bolos gigantescos no projeto "cakeland" foto: reprodução

Imagine como seriam bolos de casamento em uma versão “monstro”, imaginou? bom o artista Scott Hove também imaginou e foi além, ele criou os tais bolos monstruosos que de longe até parecem bem deliciosos mas de perto apresentam presas, bocas e cabeças bem macabras.

Ele dá vários motivos e respostas à suas criações bizarras como, por exemplo, a busca incessante por satisfação e o medo do fracasso. Em seu site, o artista afirma também que o projeto “Cakeland” é fruto de uma vida de interesse em comidas e objetos artificiais, e de uma obsessão com a relação entre o bonito e o brutal.

Scott cria as esculturas utilizando poliuretano moldado e cortado, posteriormente adornado com todo o tipo (e alguns bem estranhos) de decoração – passando por gel acrílico a mandíbulas conservadas. O curioso: parte do material usado em cada um dos cakes é comprado e outra parte é encontrado em suas andanças pela vizinhança onde fica seu estúdio, em Oakland.

Sinistro sim ou certamente?

Gostou? Compartilhe: