Especial Dia dos Pais parte I – Papais do cinema

O Dia dos Pais está quase chegando e fizemos a seleção de alguns dos personagens mais marcantes nesse papel. foto: reprodução

E foi dada a largada! No próximo domingo é o Dia dos Pais e todo mundo certamente já está em função de achar aquela lembrancinha especial pro coroa, certo? Já que eles merecem todo o nosso carinho, fizemos uma seleção especial. Na verdade, ao longo da semana, prestaremos nossa homenagem mostrando alguns dos papais mais icônicos dos últimos tempos, seja no cinema, música e publicidade.

Pra começar, selecionamos alguns dos pais mais legais da sétima arte.
Espia:

Fletcher Reede (Jim Carrey) – O mentiroso

Fletcher Reede, um advogado, se vê em uma situação delicada quando Max Reede (Justin Cooper), seu filho, ao soprar as velas do bolo pede que seu pai não minta por um dia. O desejo é atendido, impedindo Fletcher de falar qualquer tipo de mentira, mas se as pessoas falam uma mentira ou outra, para um advogado mentir faz parte do cotidiano. Fletcher não entende o que está acontecendo e se envolve em várias confusões, principalmente quando precisa defender no tribunal uma mulher traidora (Jennifer Tilly) que tem que se passar por santa para tirar os bens do rico marido.

Darth Vader (David Prowse) – Star Wars (IV, V, VI)

Sim, ele é mau. Darth Vader, pai de Luke Skywalker (coisa que o garoto não sabe), é capaz de enforcar inimigos à distância, planejar grandes massacres e arrepiar seus subalternos apenas com som da sua respiração assustadora. Mas, quando alguém mexe com seu filho… é melhor correr.

Guido Orefice (Roberto Benigni) – A vida é Bela

Como proteger seu filho em meio a um campo de concentração nazista? Esta é a difícil tarefa de Guido (Roberto Benigni), um bem humorado judeu que se vê em apuros quando sua família é capturada em plena Alemanha de Adolph Hitler. Para evitar que seu filho tenha medo, Guido cria um mundo de faz de conta onde tudo faz parte de uma grande brincadeira.

Marlin (Albert Brooks) – Procurando Nemo

Marlin criou sozinho seu filho Nemo e, devido a um trauma passado, tem receio de deixar o pequeno desprotegido. No primeiro dia de aula, o peixinho se perde dos demais alunos e vai para alto mar, onde é capturado por um mergulhador. Desesperado, Marlin percorre o oceano em busca de Nemo e esta determinação faz dele um dos pais mais dedicados dos desenhos animados.

Noah Levenstein (Eugene Levy) – American Pie

Ele está presente nos momentos mais constrangedores e inapropriados da vida de seu filho. É tão emblemático que seu nome quase não é falado, sendo mais conhecido como “pai do Jim”. Famoso por suas tentativas frustradas de conversar sobre sexo, ele ainda ostenta visual careta, muito parecido com o de todos os pais do mundo

Giuseppe Conlon (Pete Postlethwaite) – Em nome do pai

Pai e filho presos injustamente têm a oportunidade de rever a relação na cadeia. Mesmo com o foco em questões políticas, o filme mostra o embate das diferenças de valores e personalidades que acaba revelando mais semelhanças do que o esperado.

Daniel Hillard (Robin Williams) – Uma Babá Quase Perfeita

O que você faria para ficar mais tempo ao lado de seus filhos? Impedido pela justiça de estar ao lado deles, Daniel inovou: com roupas e maquiagem de mulher, ele encarnou uma simpática e atenciosa babá, a Sra. Doubtfire, que é contratada por sua ex-mulher para cuidar de sua prole. Ele passa despercebido pela família, até começar a se meter em confusões.

Gostou? Compartilhe: