Gestos que podem ofender muita gente em outros países

Gestos inofensivos que podem ofender muita gente no exterior foto: reprodução

Vai viajar de férias logo mais? Planejou uma super trip para um final do ano? Nem pense em ousar nos gestos se desembarcar em países com culturas muito diferentes da nossa, viu? Alguns deles, usados no dia-a-dia e aparentemente inofensivos, podem causar grandes problemas, principalmente em países longínquos como Grécia e Tailândia, por exemplo. Esse guia vai ajudar os viajantes sobre os gestos que são considerados ofensivos em determinados lugares do mundo. Veja e pasme também:

Polegar legal

Na cultura muçulmana, fazer sinal de positivo com o polegar significa que você está mandando a pessoa para aquele lugar. Na Tailândia, também não é muito agradável receber este sinal. Lá, o polegar opositor em riste significa o mesmo que mostrar a língua para alguém por aqui.

Dois dedos

No Reino Unido e na Austrália o dedo do meio não possui tanto poder de ofensa quanto o nosso gesto “paz e amor” ou “V” de vitória. Sim, os dois dedos levantados não têm nada de paz nem de amor por aquelas bandas.

Mão aberta diante de alguém

Sinal de pare coma mão: não use ele se for para a Grécia. Lá, a mão aberta assim significa algo muito mais estranho e que a história local explica. Dizem que no Império Bizantino as pessoas esfregavam fezes no rosto de seus prisioneiros traidores, humilhando-os em sinal de desgosto. A partir disso, o gesto significa “esfregar excremento na cara das pessoas”. Bizarro.

Ok?

O gesto de OK com os dedos indicador e polegar se encontrando em circulo pode ofender muita gente na Grécia (opa, de novo) e na Turquia. Gesto que aqui significa que está tudo ótimo e perfeito, neste lugares o sinal quer dizer que você está apontando uma pessoa gay. Um gesto claramente homofóbico, ok? Na Turquia em na Grécia não está ok…

Dar presentes com a mão esquerda

Em diversos países asiáticos você precisa escolher a mão correta para alcançar o presente que quer dar a alguém. Isso, porque a mão esquerda é considerada a mão que bate nas nádegas do cônjuge durante o sexo. Então, estender um presente com a “mão imunda” é considerado um gesto de insulto. Se a coisa mais “imunda” que imaginam fazer com as mãos é tocar em uma bunda, o povo deve estar bem higienizado!

Cruzar os dedos

Em um lugar que isso representa boa sorte ou juramento, fica difícil imaginar um significado tão diferente. Mas no Vietnã, dedos cruzados desta forma representam as partes íntimas das mulheres. Por isso, se for para lá, não faça o gesto a uma garota. Ela pode se sentir ofendida.

Gostou? Compartilhe: