Arte em disquete, de Nick Gentry

Nick-Gentry-c

Pessoal, vocês lembram dos disquetes? Disquetes, aqueles quadrados que colocávamos no computador para gravar arquivos e programas… Pois bem. Depois de sua inutilidade decretada alguém os salvou da obsolescência absoluta.

Nick Gentry é um artista britânico conhecido por sua produção artística feita a partir de materiais e artefatos doados, fora de uso. Porém, seu trabalho mais famoso são pinturas artísticas feitas em cima de disquetes. Enfim, uma utilidade perfeita para as peças esquecidas.
Ao ser questionado sobre seu sigamos gosto por disquetes, Gentry já descarta que eles sejam parte de sua nostalgia. Apesar de ter nascido em 1980, quando os artefatos surgiram e começaram a se popularizar, o artista afirma que a utilização deles em suas obras é uma espécie de manifesto sobre o comunismo e a rapidez cada vez maior com que descartamos as coisas.

O resultado é o belo trabalho que tem sido destaque no Reino Unido e pelo mundo afora.

Gostou? Compartilhe: