Artista reúne segredos em galeria

confessions-candy-chang

Quem nunca teve vontade de contar seus segredos mais íntimos e constrangedores? Às vezes, falta coragem para uma confissão libertadora. Pensando nisso, a artista Candy Chang transformou uma galeria em um espaço de depoimentos.

Candy Chang espalhou cabines pelo P3 Studio, em Las Vegas, onde os visitantes escreviam suas confissões anonimamente, em pequenas placas de madeira. Lá, todos estariam livres de julgamentos. Depois da atividade relaxante, algumas das respostas interessantes foram penduradas pelas paredes. Outras delas ocuparam grandes telas vermelhas, escritas em branco para contrastar.

Mais de 1500 segredos sobre assuntos como amor, medo, relacionamentos, arrependimentos, sexo, família, felicidade e confusão foram arrecadados com a experiência.

Candy Chang inspirou-se no Post Secret e no Catolicismo para criar o projeto Confessions. ”A ideia de ter um santuário anônimo ajudou a consolar uns aos outros e a dar sentido ao que estava escondido em nossas vidas”, explicou a artista.

“Estou no serviço militar e tenho medo de morrer”, “Como muito queijo“, “Roubei mais de 15.000 da empresa em que eu trabalhava” foram algumas das frases expostas. Veja todas as confissões aqui.

Gostou? Compartilhe: