Conheça o curso Pensamento Criativo em Pesquisa Qualitativa

Conheça o curso Pensamento Criativo em Pesquisa Qualitativa / foto: reprodução

Para quem ainda não organizou a agenda neste início de ano, aí vai uma grande dica: os cursos da Escola de Criação estão começando e você não pode ficar de fora. Pensamento Criativo em Pesquisa Qualitativa é a cara do profissional ligado nas tendências, que trabalha com pesquisa, marketing ou quer empreender com visão ampliada. As aulas ensinam, de forma exploratória, todas as etapas e atividades de pesquisa necessárias para capacitar o profissional para ser um empreendedor criativo e preparado para o dinâmico mercado de trabalho.

Focado no planejamento criativo em comunicação, o curso é ministrado pela professora Carmencita Job, analista cultural de macro tendências e pesquisadora de grupos urbanos. Ela também é gestora do laboratório de pesquisa e comportamento [Ox]igênio, além de antropóloga de vocação e planner de projetos especiais. No curso, Carmencita passará toda a sua experiência em pesquisa, desde as atividades e etapas que ela envolve, às necessidades do segmento, orçamentos, normas, contratos, prazos e modelos de entrega.

“O conhecimento completo e abrangente desta área qualifica o profissional a contratar melhor e ainda oferece um novo olhar ao comprador de pesquisa e agências de comunicação. O objetivo é uma compra mais segura e que gere maiores possibilidades de resultados.“, define Carmencita.

Quer saber como são as aulas?

Nada melhor do que a declaração de quem já cursou para contar como funciona a dinâmica do curso, certo? Conversamos com Ianny Bastos. Ela foi aluna no Pensamento Criativo em Pesquisa Qualitativa e concluiu que valeu muito a pena a experiência e os ensinamentos proporcionados: “Inspirador e instigante. Possibilitou-me enxergar muito além e me deu muitas referências para estudar”, define. Sobretudo, Ianny salientou que é muito difícil encontrar cursos de pesquisa que sejam sérios, que possuam também a visão prática, tão importante para quem quer trabalhar com algo subjetivo como a pesquisa. “O fato de explicar os métodos e as burocracias necessárias foi essencial e as referências foram de extrema valia”, ela comenta satisfeita. Ao final do curso, a certeza de que o curso fortalece a profissão através do viés realista de uma área cada vez mais fundamental o mercado de trabalho.

Quer saber mais? Entre no site da Escola de Criação, corra e inscreva-se já para garantir seu lugar. Anote aí: as aulas iniciam nesta quinta-feira, dia 9!

Gostou? Compartilhe: