Phonebloks, o aparelho que pode mudar o mercado de smartphones

phonebloks-capa

Sabemos que a obsolescência programada está em todos os aparelhos que adquirimos. E ela fica ainda mais intensa em se tratando de telefones celulares. Os smartphones são utilizados por um tempo médio de um ano, e as razões são variadas. Seja por atualização do modelo, troca de marca, busca de mais memória, danos no aparelho ou a perda dele, a vida de um celular na sua mão já tem prazo de validade desde o momento da compra. Por isso, jogamos milhares deles no lixo e consertar pode ser ainda mais caro.

Pensando nisso, em setembro de 2013, o jovem holandês Dave Hakkens lançou para o mundo a sua ideia de telefone. Nela, o aparelho não precisaria ser jogado fora porque seu hardware seria em partes separadas. Eis o Phonebloks. A invenção, além de inteligente e sustentável, é um celular modular, constituído de peças independentes que podem ser trocadas facilmente.

Dave Hakkens lançou o projeto com a ajuda do um crowdspeaking e conseguiu mais de 18 milhões de visualizações em poucos dias. Uma bela demonstração de que o desejo das pessoas é adquirir um telefone bem menos descartável. O jovem Hakkens firmou uma parceria com a Motorola. Com o apoio da empresa e de doações, já está desenvolvendo o protótipo do produto, que promete revolucionar a indústria eletrônica. A ideia é de que o Phoneblocks seja open source, uma proposta totalmente enraizada na filosofia de uso do hardware livre. Assim, o aparelho poderá ser aprimorado, já que seus códigos são abertos para os usuários.

Assista o vídeo explicativo:

No site Phonebloks.com mais de quatro mil membros discutem possibilidades para deixar o aparelho ainda mais durável e sustentável.

Gostou? Compartilhe: