O olhar que fica

Foto: Divulgação

Eduardo Galeano se foi nessa última segunda-feira, 13/4, mas não sua genialidade e sensibilidade. O escritor, que entre tantos ensinamentos quase sempre falava em utopia, nos deixa um insight para que a criatividade voe da maneira que seu significado pede, livre e sem amarras: utopia são possibilidades do que ainda não existe ou da busca por um ideal. E assim também não são as mais incríveis ideias?

O escritor uruguaio também dizia que a grandeza está escondida nas pequenas coisas, e o que realmente vale a pena ser visto, a gente geralmente não olha…  Mas deveria. Tá aí mais um aprendizado de que o genial no mundo muitas vezes só é encontrado se a gente apurar o olhar.

As obras de Galeano abordam ficção, jornalismo, política e história, desdobrando esses temas nas relações e emoções humanas, sociedade, arte e valores. E ele mostra bem isso no vídeo abaixo.

Pensadores nessas áreas existiram e existem vários, mas o que faz de um escritor sensacional é como falar sobre tudo isso. E é essa palavra que fica.

Obrigada mestre, descanse em paz.

Gostou? Compartilhe: